quinta-feira, 22 de novembro de 2012

A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem ama aos outros cumpriu a lei. Romanos 13:8

 

image

Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.Isaías 53:5.

Diferentemente do amor na forma que os homens e mulheres pensam ser. O amor a que Paulo se refere na sua recomendação aos Romanos é o amor que somente quem tem Cristo no coração é capaz de sentir pelo seu próximo! E não  adianta os que  entende que amar ao próximo é fazer caridade e dar esmola querer fazer comparações como as pessoas que pensam que amam fazem, pois não é assim que Jesus vê. ---  Se vós, pois, sendo maus, sabeis dar boas coisas aos vossos filhos, Mateus 7:11a. Não mesmo meus queridos (as) se podem comparar atos de bondade com amor.

O amor ao qual Paulo se refere é forte e incondicional o suficiente para que por ele houvesse o cumprimento da Lei. --- Com efeito: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não darás falso testemunho, não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Romanos 13:9. Nisto reside o verdadeiro amor com qual todos deveriam amar o seu próximo! O amor que não olha e tão pouco vê a aparência ! Um amor que não julga e nem impõe condições para que seja dado. --- O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor. Romanos 13:10.

Amar como Jesus nos amou, não é apenas matar a fome ou a sede por um dia ou um momento! O amor que importa para Deus é aquele que faz com que nos coloquemos no lugar do outro e façamos como gostaríamos que fizéssemos a nós mesmos. Foi exatamente isto que Jesus Cristo ensinou quanto respondeu a certo doutor da lei e tem a mesma serventia para os religiosos de nossos dias. ---  E eis que se levantou um certo doutor da lei, tentando-o, e dizendo: Mestre, que farei para herdar a vida eterna?
E ele lhe disse: Que está escrito na lei? Como lês?
E, respondendo ele, disse: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças, e de todo o teu entendimento, e ao teu próximo como a ti mesmo.
E disse-lhe: Respondeste bem; faze isso, e viverás.
Ele, porém, querendo justificar-se a si mesmo, disse a Jesus: E quem é o meu próximo?
E, respondendo Jesus, disse: Descia um homem de Jerusalém para Jericó, e caiu nas mãos dos salteadores, os quais o despojaram, e espancando-o, se retiraram, deixando-o meio morto.
E, ocasionalmente descia pelo mesmo caminho certo sacerdote; e, vendo-o, passou de largo.
E de igual modo também um levita, chegando àquele lugar, e, vendo-o, passou de largo.
Mas um samaritano, que ia de viagem, chegou ao pé dele e, vendo-o, moveu-se de íntima compaixão;
E, aproximando-se, atou-lhe as feridas, deitando-lhes azeite e vinho; e, pondo-o sobre a sua cavalgadura, levou-o para uma estalagem, e cuidou dele; E, partindo no outro dia, tirou dois dinheiros, e deu-os ao hospedeiro, e disse-lhe: Cuida dele; e tudo o que de mais gastares eu to pagarei quando voltar.
Qual, pois, destes três te parece que foi o próximo daquele que caiu nas mãos dos salteadores?
E ele disse: O que usou de misericórdia para com ele. Disse, pois, Jesus: Vai, e faze da mesma maneira. Lucas 10:25-37.

Não ignoro que para muitos hoje em dia; falar da pratica do amor que Jesus Cristo ensinou, soa como algo já muito batido! Afinal há séculos vemos toda sorte de filosofias, religiões ensinarem  aparentemente a mesma coisa: Amar o próximo, fazer o bem. Há questão, no entanto que faz toda a diferença entre o que Jesus ensinou e deseja que pratiquemos, está no porquê e como praticarmos! Jesus Cristo ensinou que amassemos o nosso próximo, como a nós mesmos certos? Portanto, nenhuma pessoa que tenha compreendido este detalhe, iria propor a amar o seu próximo esperando que através deste ato, viesse ser justificado com sua atitude diante de homens e pior; Diante de Deus! --- Guardai-vos de fazer a vossa esmola diante dos homens, para serdes vistos por eles; aliás, não tereis galardão junto de vosso Pai, que está nos céus. Mateus 6:1. Perdoe-me se alguém pensa exatamente assim! Mas, como pode ver, não sou eu que estou dizendo que este tipo de  “amor” é hipócrita e inútil!  Mas, infelizmente é o tipo de amor corrente no mundo. A termo amor se tornou tão banal que a muito serve para denominar o ato sexual, a relação carnal entre um homem e uma mulher como sendo: Amar.

Fazendo com que um sentimento de tal dimensão e magnitude humana carnal e espiritual fosse transformado na forma ou maneira de justificar a conjunção carnal  de forma quase semelhante ao coito instintivo dos animais irracionais.

Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.
Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.
E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;
Estando cheios de toda a iniquidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade; Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães; Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia; Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem. Romanos 1:25-32.

Chegando ao ponto de realmente descerem a esfera da mais indigna vileza humana e buscarem nos atos irracionais e instintivos dos animais exemplos de desvio do comportamento sexual natural para justificarem a aberração do sexo entre pessoas do mesmo gênero.

Meus queridos (as), no dia que a humanidade se tornar tão globalizada a ponto de que tudo que possa ocorrer na dimensão física comportamental, seja entre os seres humanos ou nos animais venham ser  institucionalizado como regra para todos. Neste dia então poderemos dizer que a era das trevas retornou de vez no mundo. --- E, olhando para a terra, eis que haverá angústia e escuridão, e sombras de ansiedade, e serão empurrados para as trevas. Isaías 8:22. Apesar de que, o que parece apenas uma hipótese ou divagação; não está muito longe de acontecer! A cada dia ver-se o mal penetrando em todas as camadas da vida no mundo atual. Nem em casa podemos nos considerar seguros! Tamanhas ondas de violência que tem se alastrado não somente pelo Brasil através da violência marginal, mas em todo o mundo tido como civilizado, cada qual com a sua dinâmica própria, contudo proveniente do mesmo agente que ingenuamente os mesmos homens que desprezam Deus  e acham que sem terem que Nele acreditar, também não haveria como existir outra força espiritual para  incomoda-los! Pobres homens cegos e enganados!

Muitos dos que são contrários a Deus repetem o mesmo discurso da descrença em Deus! Alegam que: Como pode existir um Deus que permite as tragédias que assolam a humanidade? Que permite que uma criança morra de fome nos braços de sua mãe? Que não possa evitar que as doenças se propaguem e ceifem vidas e por ai vão as queixas, os questionamentos que parece a eles justificar a sua descrença. O fato, porém meus queridos (as), é que essas mesmas pessoas sequer dão conta da incoerência do que estão fazendo e dizendo! Estão tentando desviar-se  e procuram justificar os seus próprios erros e pecados culpando um Deus que eles de antemão já haviam se recusado acreditar! Como pode ser isso? E porque então não querer aceitar a existência de Satanás? Não seria a mesma “ignorância”  que mesmo fugindo dela, estão vivendo quando querem culpar um Deus que não creem que existe? ---- Então o SENHOR disse a Satanás: Donde vens? E Satanás respondeu ao SENHOR, e disse: De rodear a terra, e passear por ela. Jó 1:7.

Por isso, meus queridos (as) que nem toda a evolução da capacidade humana será um dia suficiente para fazer com que os homens possam compreender o mistério que para eles é Deus, sem que venham aceitar a Jesus Cristo como aquele que veio ao mundo para mostrar através do Seu amor e pelo amor que amamos nosso próximo como se pode ver Deus agindo na vida de cada um e de toda a humanidade. Desde claro! Que assim desejemos. Por que é muito fácil ter até um Deus para por a culpa das nossas próprias incapacidades, do que buscar verdadeiramente encontrar Nele a capacidade que nos faz não duvidar e crer que Dele só pode existir o bem. --- Levanta-te, pois, desce, e vai com eles, não duvidando; porque eu os enviei. Atos 10:20. Nunca haverá a possibilidade de um homem ser capaz de compreender e aceitar a soberania de Deus se ele não é capaz de não duvidar! Isto por sim só, já seria suficiente para que ninguém buscassem na natureza divina e incompreensível de Deus para homens e mulheres que Nele não creem, há justificativa para suas próprias iniquidades. --- Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça. Isaías 59:2.

Sugiro sem nenhum sarcasmo, que da próxima vez que quiserem culpar um Deus pelas mazelas que o mundo tem passado ou até pelas suas próprias! Culpem aquele que quis ser Deus e que tem todo interesse de que vocês pensem exatamente como ele quer que pensem. --- Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar; 1 Pedro 5:8.

Jesus Cristo veio a mundo justamente para desfazer as obras enganosas do diabo, para isso Ele morreu e ressuscitou e vive ao lado do único e verdadeiro Deus para nos ajudar a permanecer na verdade. --- E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. João 8:32.

A verdade que os que não buscam, sem Jesus Cristo nunca poderão saber. -- O Espírito de verdade, que o mundo não pode receber, porque não o vê nem o conhece; mas vós o conheceis, porque habita convosco, e estará em vós. João 14:17.

Amém.

image